VIII Fórum de Ciências Bíblicas discute sobre a tradução bíblica para missões


Durante o VIII Fórum de Ciências Bíblicas que aconteceu durante a semana passada no Museu da Bíblia, em Barueri, São Paulo, cerca de 200 pessoas discutiram sobre a importância da tradução bíblica para fins missionários.

O evento foi promovido pela Sociedade Bíblica do Brasil e o palestrante convidado para falar sobre o tema foi Paulo César Duarte de Oliveira, coordenador de Missiologia da Área das Américas da ALEM (Associação Linguística Evangélica Missionária) e Aliança Global Wycliffe.

Ele falou aos presentes sobre os aspectos transculturais da tradução bíblica e de como ela ajuda na obra missionária. Oliveira também falou sobre sua participação na tradução da Bíblia na língua Tembé, destacando que para que esse trabalho seja eficaz é preciso levar em conta não só a língua, mas também a cultura de origem do povo.

Quem também falou sobre o tema foi o doutor em Filosofia e mestre em Teologia e Divindade, Timoteo Carriker, discursando sobre o uso da Bíblia como texto para o estudo de missões. Ele também comentou sobre como a Bíblia pode ser usada como ferramenta missionária, tanto da missão de Deus quanto dos empreendimentos missionários da igreja.

O evento em questão teve a duração de três dias e outras palestras sobre temas diferentes foram apresentadas entre elas o programa Luz na Amazônia que há 50 anos realiza evangelização na região sendo um projeto de muita importância não só missionária como social.

Esse post foi publicado em Artigos, Notícias. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s